DEMETRA É LANÇADA COM PROPOSTA DIFERENCIADA PARA A ALTA JOALHERIA

choker-lilly-perola-negra-tahiti

brinco-linha-nicola-rubibracelete-nicola-esmeraldacolar-ivy-corac%cc%a7a%cc%83o-rubi-1

Inspirada na delicadeza, no refinamento e na modernidade da era eduardiana, do início do século 20, a Demetra é uma marca que já nasce global, com proposta inovadora que tem à frente as talentosas irmãs paranaenses Mariana e Roberta Demeterco

 

A paixão, desde a infância, pelo universo da alta joalheria e a intensa afinidade estética foram os pontos de partida das jovens irmãs paranaenses Mariana Demeterco, de 23 anos, e Roberta Demeterco, de 25 anos, para a criação da marca Demetra. A marca, que terá seu lançamento em 26 de outubro, no Espaço Ícaro Jardins do Graciosa, se apresenta como um novo marco para o mercado de alta joalheria, com uma proposta e um traço que já nascem globais e que traduzem a instigante e delicada complexidade da alma feminina em peças inspiradas na era eduardiana, no início do século 20 na Inglaterra, e na belle époque, no mesmo período, na França.

Delicadeza e sofisticação para a mulher contemporânea definem o perfil da nova marca, explica a diretora comercial Roberta Demeterco. “Eu e minha irmã, Mariana, temos familiaridade com o universo das joias desde muito pequenas. Amamos a alta joalheria. Tanto que as mulheres da família costumavam nos levar junto, ainda bem pequenas, para ajudá-las a escolher as joias que iriam comprar, pois diziam que nós conseguíamos avaliar muito bem o valor e o trabalho de uma peça. Até hoje, somos as ‘consultoras’ nesse sentido. Então, foi muito natural que nos especializássemos na alta joalheria e que, neste momento, optássemos por criar nossa própria marca”, conta. “A Demetra nasce de nossa paixão pelas joias, paixão que transportamos para nossas coleções.”

O refinamento de formas, materiais e composições da elegante era eduardiana foi a inspiração natural para a criação da Demetra. “Pensamos em uma mulher que é moderna, atual, mas que também é delicada e elegante. Por isso nos inspiramos no período eduardiano, quando as mulheres começaram a se libertar, buscando inserir-se no mercado de trabalho e reivindicando o direito de voto. A mulher Demetra associa feminilidade e delicadeza à sofisticação e à confiança para conquistar tudo o deseja”, assinala a designer de joias da marca Mariana Demeterco, que assina a criação de toda a coleção de lançamento, e que acompanha minuciosamente cada etapa da produção das peças.

 

Técnica sofisticada

As joias Demetra são concebidas com técnicas variadas e sofisticadas, que partem da combinação de tonalidades de ouro (amarelo, branco, rosé) e do uso muito refinado de gemas, como pérolas e diamantes. “Este é um traço da alta joalheria eduardiana que buscamos resgatar. Nossas peças sempre combinam diferentes tonalidades de ouro, por exemplo, ouro rosé com ouro branco, aos moldes das complexas joias daquele período em que a elegância, o detalhe e a beleza passaram a ser tão valorizados. Também são características da era eduardiana o uso de gemas coloridas. Em nossas coleções, elas são usadas em composição com os melhores diamantes, em conformidade com os 4Cs (carat/quilatagem; color/cor clarity/pureza; cut/corte), e com as pérolas, em especial as valiosas South Sea como as pérolas negras do Tahiti, e também pérolas naturais de água doce e salgada. Também empregamos técnicas de lapidação e cravação específicas do período e muito trabalhadas”, revela Mariana.

Uma lapidação que define a Demetra é a baguette, indica a designer. “E nossa técnica de cravação corrente é a delicada cravação inglesa, usada em harmonia com as demais técnicas que empregamos. Esta complexidade faz parte da era eduardiana, o detalhe é muito importante aqui. Também trazemos a referência muito forte do movimento art déco, com suas linhas geométricas e modernas”, aponta.

Ela enfatiza que o conhecimento das técnicas aplicadas e o suporte de uma equipe altamente qualificada são requisitos fundamentais da Demetra. “Nossa produção é 100% própria, realizada em um ateliê especializado em São Paulo. A seleção dos materiais é feita com a curadoria de nossa gemóloga e só empregamos as melhores procedências. Nossa produção é artesanal e bastante exclusiva. É como um bordado, uma renda muito delicada, tramada passo a passo”, detalha.

 

De Curitiba para o mundo

A comercialização também será bastante especial e exclusiva. “Não teremos pontos de venda, mas sim dois showrooms, inicialmente. Um em Curitiba (PR) e outro em Ribeirão Preto (SP), além de totens ecorners em pontos estrategicamente selecionados, nacional e internacionalmente, e sites de luxo”, informa Roberta Demeterco. “Esse grau aprofundado de personalização será permitido pelo atendimento com hora marcada no showroom”, acrescenta.

O próximo passo, da expansão não apenas em território nacional, mas também internacional, se dará já a partir do próximo ano, quando Roberta e Mariana Demeterco passarão a se dividir, no primeiro semestre, entre o Brasil e os Estados Unidos para concluir especializações em alta joalheria no renomado Gemological Institute Of America – GIA, em Nova York. “Nos mantemos em constante atualização, tanto na área de negócios quanto em nosso segmento, que é a alta joalheria. Criamos a Demetra já com um plano de negócios altamente detalhado. Agregamos também uma formação bem especializada, abrangendo ourivesaria, moda, arte e design, que inclui escolas de referência mundial. Transportamos à Demetra nossa ampla formação internacional”, observa Roberta Demeterco.

 

Demetra

A própria criação da marca tem uma forte raiz global. Além da inspiração praticamente no nascimento da era moderna, na transição dos séculos 19 para o 20, e na redescoberta do requinte que marca o período eduardiano, após a funcionalidade da era vitoriana, na Inglaterra e o movimento-irmão, na França, demarcado a partir de Paris pela belle époque, Roberta e Mariana Demeterco também escolheram um nome forte e feminino, derivado da deusa grega da fertilidade, Demetra. “O nome faz referência a nossa história, ao nome de nossa família, que deriva desta raiz, e também à força sempre delicada da mulher, exatamente a essência de nossa marca”, salienta Mariana Demeterco.

Toda a beleza das linhas clássicas gregas também é transportada para o projeto das peças, como uma inspiração constante. “Uma de nossas peças-chaves foi inspirada em uma pulseira que vi em uma viagem há muitos anos a Mikonos e que me marcou pela elegância das linhas. Podemos dizer, talvez, que a Demetra nasceu ali”, resgata a designer.

 

Coleção

A coleção de estreia da Demetra parte de 52 desenhos, com vários destaques. Além das pérolas e dos diamantes, as principais gemas utilizadas são rubi e esmeralda. “A pérola, sempre feminina e delicada, também é muito utilizada”, conta Roberta Demeterco.

Na maior parte, as linhas foram batizadas com nomes que eram recorrentes no período eduardiano, reforçando a proposta conceitual da Demetra. Entre as linhas de destaque está a Lilly, em homenagem à grande musa do período, com três opções, entre elas o choker com diamantes negros, pérola negra Tahiti e par de esmeralda na lapidação trillion.

Também a linha Nicola é emblemática desta coleção de estreia, e é composta por choker aberto nas laterais, pulseira, anel e brinco, sempre com pedras em lapidação baguette. “Temos também uma linha must have, delicadíssima, que é o colar Ivy, compondo suavemente o desenho de pequenos corações com as gemas”, destaca Mariana Demeterco.

A coleção que marca o nascimento da Demetra traz também uma peça exclusivíssima, no conceitotailor made, o choker Grace. “O nome feminino aqui foge à era eduardiana, mas quisemos eleger um grande ícone da feminilidade, Grace Kelly. Trata-se de uma gargantilha em degradê de perólas, que é feita na medida do pescoço de cada cliente, para ficar exatamente na posição adequada”, descreve a designer.

Combinadas todas estas características, o que define a Demetra é a combinação sutil entre um luxo elegante, ousado e personalíssimo, em que a nobreza dos materiais e a complexidade de desenho, técnicas e trabalho artesanal de ourivesaria resultam em peças muito diferenciadas, de estilo bastante próprio. “Suavidade é o nosso traço. A cor Demetra é o branco, com sua luminosidade expressiva, abrangendo o mármore, o linho e as gradações de off-white”, indica Mariana Demeterco. “A mulher moderna pode, e deve ser delicada, com muita personalidade. A Demetra foi concebida em detalhes para esta mulher”, define Roberta Demeterco.

 

Demetra – Showroom Curitiba

Av. João Gualberto, 1673, 12º andar

Recommended Posts
Comments
  • Marcos bortoletto
    Responder

    Ola . Mariana, Roberta, se possível entre em contato,pois tenho algo que possa ser de muito valor, preciso dá ajuda de alguém que possua bom conhecimento em jóias. Meu nome é Marcos meu telefone 41. 998590505. Podemos ganhar muito dinheiro. Se acreditar em mim posso até mandar algumas imagem do que se trata. Depois se for de seu interesse podemos agendar um horário.

Leave a Comment